domingo, 12 de janeiro de 2014

BIG BROTHER BRASIL 2014 - RACISMO E AMANTE DE DIRETOR DA TV GLOBO AMEAÇAM A FORMAÇÃO DA CASA

DOIS INTEGRANTES PODEM SER "EXPULSOS" ANTES DO PROGRAMA COMEÇAR



Aline Moraes, que usava o nome artístico de Liz Moraes, já participou de algumas produções na TV Globo. A última aparição de Aline foi no remake da novela "Gabriela". - "Sei exatamente como ocorreu a entrada dela, não teve inscrição, apenas de fachada", afirmou Frota em entrevista ao RD1 " - Fonte O Dia.
Os leitores do ConexãoBlogs conhecem de longa data a minha posição sobre o BBB - ACHO O PROGRAMA UM LIXO TELEVISIVO - Apelativo, fomentador do que há de pior no ser humano, como ÓDIO - FALSIDADE - TRAIÇÃO - OPORTUNISMO..., além de incentivar o GOSTO por LEVAR VANTAGEM EM TUDO, ainda que utilizando dos expedientes mais baixos e imorais. 

Nem bem a edição 2014 começou, e já surgem polêmicas envolvendo integrantes do grupo que vai ficar preso na casa. Um deles é acusado de postar comentário racista nas REDES SOCIAIS, e está ameaçado  de sofrer um processo, outra integrante seria AMANTE de um ALTO diretor da TV GLOBO,  tendo inclusive participado em novelas da emissora, o que contraria um dos requisitos para integrar programa.

CASO 1 - A AMANTE DO DIRETOR GLOBAL

Alexandre Frota diz que participante do 'BBB 14' tem caso com diretor da Globo

Aline Moraes, conhecida como Liz Moraes, já participou de algumas novelas na emissora

Rio - A nova edição do "Big Brother Brasil" ainda nem começou, mas já está dando o que falar. Depois que o participante Cássio Lannes foi acusado de racismo por conta de um post no Twitter, quem está berlinda agora é Aline Moraes. Segundo Alexandre Frota, a futura sister tem um caso com um diretor da Globo.


CASO 2 - O "ESTUDANTE" QUE PEDE A VOLTA DA ESCRAVIDÃO NO BRASIL

Um cidadão chamado Cássio Lannes, 22 anos, um dos escolhidos para participar do LIXO intitulado BBB, já está causando celeuma e sendo "notícia" nas redes sociais. (É ATRÁS DISSO QUE ELES ANDAM - APARECER - Ainda que seja da forma mais negativa e baixa possível)

O cidadão fez um comentário nojento, racista, e à época, (novembro/2013) gerou a revolta dos internautas. Deveria agora ser motivo de investigação e processo por crime de racismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário