terça-feira, 9 de agosto de 2011

SANDY – POUCA MÚSICA, “MUITO SEXO”


A matéria é da Coluna Diversão & TV do Jornal O Dia OnLine, e aborda a entrevista de Sandy para a Revista ‘Playboy’.

Li a matéria e não a entrevista, nem mesmo sei se Sandy está posando nua (pelo que entendi, não). Mas, ultimamente a cantora Sandy está aparecendo na mídia, não por apresentar algum show, ou viajando pelo Brasil, muito menos por algum clip ou nova música. Sandy é uma boa cantora, mesmo que não tivesse o empurrão na carreira em virtude de ser filha de quem é, provavelmente, conseguiria algum sucesso.

É natural que o público que acompanha artistas, goste de saber a opinião deles e como se comportam diante de fatos da vida. Nada para ser recriminado no fato de Sandy falar sobre assuntos que girem em torno de sexo. O problema surge, porém, quando o tema sexo deixa de ser encarado de forma normal ou natural, para servir de chamariz ou colocar em evidência. Quando um artista deixa de “aparecer” pelo seu talento, e passa a ser notícia por que postou no twitter uma frase preconceituosa ou divulgando suas preferências de forma apelativa, isso pode indicar que a decadência está se avizinhando.

Todos que enveredaram por esse caminho acabaram no ostracismo.

Um comentário:

  1. Olá, Bond
    Isso é só um reflexo do que se passa na mente da maioria de nós...
    O valor interno fica pra "escanteio" e se ressalta o que é prioridade para a maioria...
    É uma pena!!!
    Abraços fraternais de paz

    ResponderExcluir